Vacinas

A Proteção das Vacinas

Como as vacinas funcionam?
Ao invadir um organismo, bactérias e vírus atacam as células e se multiplicam. Esta invasão é chamada de infecção e é isso que causa a doença. Para proteger nossa saúde, as vacinas precisam estimular o sistema imunológico – também chamado de sistema imunitário  – a produzir anticorpos, que estimulam a proteção do organismo.

Prevenção:
As vacinas são poderosas ferramentas, com comprovada capacidade para controlar e eliminar doenças infecciosas que ameaçam a vida.



Vacina Antigripal

O que previne:

Infecção pelo vírus Influenza (que causa a gripe) contidos nas vacinas.

Do que é feita:

Trata-se de vacina inativada, portanto, não tem como causar a doença.

Existe vacina trivalente, com duas cepas de vírus A e uma cepa de vírus B, e vacina quadrivalente, com duas cepas de vírus A e duas cepas de vírus B.

Indicada para crianças a partir dos 6 meses de idade . Adolescentes adultos e idosos.

Vacina BCG

Vacina BCG

O que previne:

Tuberculose – principalmente as formas graves, como meningite tuberculosa 

Indicação:

A vacina é indicada de rotina a partir do nascimento até os 5 anos de idade.

A vacina sempre deixa uma cicatriz característica, com até 1 cm de diâmetro, no local em que foi aplicada no braço direito. A resposta à vacina demora cerca de três meses, podendo se prolongar por até seis meses, e começa com uma mancha vermelha elevada no local da aplicação, evolui para pequena úlcera, que produz secreção até que vai cicatrizando.





 

Vacina da poliomielite

O que previne:

Poliomielite (paralisia infantil).

Do que é feita:

Vacina Inativada Poliomielite (VIP) – Por ser inativada, não tem como causar a doença.

Indicação:

  • Devido à erradicação da poliomielite em diversas regiões do mundo, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda que países como o Brasil, de baixo risco para o desenvolvimento da doença, passem a utilizar a vacina inativada (VIP), sempre que possível.
  • A Sociedade Brasileira de Imunizações (SBIm) orienta que a VIP seja a vacina de preferência na administração de todas as doses.
  • A vacina poliomielite é indicada de rotina para todas as crianças menores de 5 anos.

Vacina da Varicela

O que previne:

Varicela (catapora).

Do que é feita:

Trata-se de vacina atenuada, contendo vírus vivos “enfraquecidos” da varicela,.

Indicação:

  • É recomendada de rotina para crianças com mais de 12 meses;
  • Todas as crianças, adolescentes e adultos suscetíveis (que não tiveram catapora) devem ser vacinados.

Vacina de Rotavirus

O que previne:

Doença diarreica causada por rotavírus.

Do que é feita:

Vacina oral atenuada pentavalente (VR5) é composta por cinco tipos de rotavírus vivos “enfraquecidos”, que não causam doença.

Indicação:

Bebês de 6 semanas a 8 meses e 0 dia. A primeira dose deve ser obrigatoriamente aplicada até a idade de 3 meses e 15 dias, e a última dose até os 7 meses e 29 dias.

 

Vacina Difteria, tétano, Coque...

O que previne:

Difteriatétano e coqueluche.

Do que é feita:

Trata-se de vacina inativada, portanto, não tem como causar a doença.

Indicações:

  • Para reforço das vacinas DTPa ou DTPw em crianças a partir de 3 anos de idade, adolescentes e adultos.
  • Gestantes.
  • Todas as pessoas que convivem com crianças menores de 2 anos, sobretudo bebês com menos de 1 ano, incluindo familiares, babás, cuidadores e profissionais da Saúde.

 

Vacina Febre Amarela

O que previne:

Febre amarela.

Indicação:

Crianças a partir de 9 meses de idade, adolescentes e adultos que vivem em regiões brasileiras classificadas como áreas de recomendação de vacinação, ou em viagem nacional/internacional de risco para a doença,.

Rotina: duas doses: aos 9 meses e 4 anos de idade;

  • Para quem não recebeu as doses da rotina: duas doses com intervalo de dez anos.

Vacina Hepatite A

O que previne:

Hepatite A.

Do que é feita:

Trata-se de vacina inativada, portanto, não tem como causar a doença.

Indicação:

Todas as pessoas a partir de 12 meses de vida.

Vacina Hepatite B

O que previne:

Infecção do fígado (hepatite) causada pelo vírus da hepatite B.

Indicação:

Para pessoas de todas as faixas etárias. Faz parte da rotina de vacinação das crianças, devendo ser aplicada, de preferência, nas primeiras 12-24 horas após o nascimento.

Especialmente indicada para gestantes não vacinadas.

 

Vacina Herpes Zoster

O que previne:

herpes zóster, popularmente conhecido como “cobreiro”, e sua principal complicação, a neuropatia pós-herpética, responsável por dor crônica, prolongada, de difícil controle e extremamente debilitante.

Do que é feita: Trata-se de vacina composta por vírus vivos atenuados da varicela zóster

Indicação:

A vacina está licenciada para pessoas com 50 anos ou mais e é altamente recomendada para maiores 60 anos de idade

 

Vacina HIB (Haemophilus Influe...

O que previne:

Doenças causadas pelo Haemophilus influenzae tipo b, principalmente meningite.

Do que é feita:

Trata-se de vacina inativada, portanto, não tem como causar a doença.

Indicação:

  • Crianças a partir de 2 meses, até 5 anos de idade.
  • Crianças com mais de 5 anos, adolescentes e adultos com condições médicas que aumentam o risco para doenças por Hib: ausência de baço ou disfunção nesse órgão; antes e/ou após transplante de órgão ou medula óssea; após quimioterapia; entre outras.

 

Vacina Meningite ACWY

O que previne:

Meningites e infecções generalizadas (doenças meningocócicas) causadas pela bactéria meningococo dos tipos A, C, W e Y.

Indicação:

  • Para crianças e adolescentes,
  • Para pessoas de qualquer idade com doenças que aumentem o risco para a doença meningocócica.
  • Para viajantes em areas de maior risco de meningites.
  • Para viajantes com destino às regiões onde há risco aumentado da doença

Vacina Meningite B

O que previne:

Meningites e infecções generalizadas (doenças meningocócicas) causadas pela bactéria meningococo do tipo B.

Indicação:

  • Para crianças e adolescentes,
  • Para adultos com até 50 anos, dependendo de risco epidemiológico.
  • Para viajantes com destino às regiões onde há risco aumentado da doença.


Vacina meningite C

O que previne:

Doenças causadas pelo meningococo C (incluindo meningite e meningococcemia).

Do que é feita:

Trata-se de vacina inativada, portanto, não tem como causar a doença .

  • Para crianças e adolescentes.
  • Para pessoas de qualquer idade com doenças que aumentem o risco para a doença meningocócica.
  • Para viajantes com destino às regiões onde há risco aumentado da doença.

 

Vacina para HPV

O que previne:

Infecções persistentes e lesões pré-cancerosas causadas pelos tipos de HPV 6,11,16,18. Também previne o câncer de colo do útero, da vulva, da vagina, do ânus e verrugas genitais (condiloma).

Indicação:

  • O Programa Nacional de Imunizações (PNI) disponibiliza a vacina para meninas de 9 a 13 anos de idade.
  • A Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), a Sociedade Brasileira de Imunizações (SBIm) e a Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia (Febrasgo) recomendam a vacinação de meninas e mulheres de 9 a 45 anos de idade e meninos e jovens de 9 a 26 anos.


topo voltar
Disk Vacina
(54) 99123-9998
©2020 Cia da Vacina, todos os direitos reservados.